http://www.fides.org

Asia

2003-11-07

ÁSIA/CHINA - NA TV CHINESA, UM SERIADO SOBRE O JESUÍTA GIUSEPPE CASTIGLIONE, GRANDE ARTISTA MISSIONÁRIO NA CHINA

Pequim (Agência Fides) – Um seriado sobre o missionário e artista Pe. Giuseppe Castiglione (1688– 1766), jesuíta famoso na China como pintor e arquiteto, será realizado no país e transmitido na Tv pública chinesa. O seriado, produzido pela Hunan TV & Broadcast Intermediary Co. Ltd., vai ao ar em 2004, e conta a história do sacerdote jesuíta, cujo nome chinês era Lang Shi Ning. Castiglione será interpretado pelo famoso ator canadense Mark Rowswell, chinês de adoção, casado com uma mulher chinesa e residente há anos na China.
A notícia repercutiu nos ambientes católicos chineses. Um sacerdote de Pequim, que trabalha há muitos anos na evangelização dos jovens por meio da arte, disse à Agência Fides: “A figura de Castiglione é conhecida na China como aquela de Matteo Ricci (Li Ma Dou 1552-1610), Michele Ruggieri (Luo Ming Jian1543-1607), Johan Adam Schall von Bell (Tan Ruo Wang 1591-1666), Ferdinando Verbiest (Nna Huai Ren 1623-1688), missionários que evangelizaram a China através da ciência, da arte e da cultura. Eles respeitaram e amaram a China, dedicando-se sem reservas à missão. Ainda hoje, esses artistas missionários permitem que tantas pessoas conheçam a fé católica, promovendo conversões”.
Entre as obras de Castiglione, há o quadro intitulado “O Sagrado Coração”, que se encontra na Igreja de S. José, situada no dentro de Wang Fu Jing, o distrito comercial de Pequim. “Acredito que este seriado – continua o sacerdote à Agência Fides – vai suscitar ainda mais interesse nos visitantes. Além disso, algumas cenas serão ambientadas na igreja e em diversos locais católicos: esta poderia ser uma grande oportunidade para difundir a mensagem de amor de Jesus. Como sacerdote, desejo que os produtores e os atores respeitem a história e a sacralidade religiosa, já que às vezes os seriados, por motivo de audiência, comprometem a verdade histórica. E porque há anos me ocupo de evangelização através da arte católica, gostaria de aproveitar a ocasião para promover outros artistas missionários entre os jovens chineses”.
(NZ) (Agência Fides 7/11/2003 Linhas: 32 Palavras: 345)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network