http://www.fides.org

Asia

2003-11-03

ÁSIA/CORÉIA DO SUL - FAMÍLIAS MISSIONÁRIAS EM CONTATO COM AS OUTRAS FAMÍLIAS: A IGREJA COREANA APOSTA NOS LEIGOS PARA A OBRA DE EVANGELIZAÇÃO DA SOCIEDADE

Seul (Agência Fides) – Mais de 1.000 casais católicos coreanos serão protagonistas de uma grande missão rumo a outras famílias na diocese de Taegu. A iniciativa foi lançada depois de uma recente reunião da Conferência Episcopal da Coréia, próprio sobre o tema da família.
Na Igreja coreana, portanto, os leigos ainda estão na linha de frente para levar o anúncio do Evangelho à sociedade. Depois da publicação da Carta Pastoral dos Bispos coreanos – que colocou a família no centro da pastoral, como objeto de atenção por parte da Igreja, e ao mesmo tempo como sujeito ativo de evangelização – a Arquidiocese de Taegu organizou no dia 26 de outubro um encontro de famílias para atualizar a mensagem proposta pela Igreja coreana.
No encontro intitulado “Somos um só para sempre”, o Arcebispo de Taegu, Dom Paul Ri mun-hi, disse aos participantes: “O homem e a mulher são chamados a formarem um coração e um único corpo e, por isso, devem renunciar a si próprios ao serviço um do outro”.
Os participantes celebraram a renovação das promessas matrimoniais e se empenharam em viver a santidade na família, a lutar contra a cultura da morte, a ser aberto à vida, a dar aos filhos uma educação cristã, a levar a mensagem evangélica a todas as famílias que encontram, tornando-se verdadeiras “Famílias missionárias”.
Durante o encontro, padre Paul Lee Chang young, subsecretário da Conferência Episcopal, falou sobre a crise da família na Coréia e sobre possíveis soluções para contrastar a desagregação dos núcleos familiares: “O futuro da família é o futuro da Igreja – disse; a comunidade cristã deve empenhar-se na formação de famílias sólidas, que vivam a mensagem de Cristo na oração, no diálogo e na solidariedade”.
(PA) (Agência Fides 3/11/2003 linhas 32 palavras 305)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network