EUROPA/ITÁLIA - Dois bilhões de meninos, meninas e mulheres vivem em países com formas graves ou gravíssimas de exclusão

Quinta, 4 Maio 2017

WeWorld

Roma (Agência Fides) – Uma em cada três crianças vive em países com formas graves ou gravíssimas de exclusão: o dado emergiu em Roma, ontem, na apresentação do novo WeWorld Index. Trata-se de um novo instrumento criado para avaliar a inclusão de meninas, meninos, adolescentes e mulheres no mundo. Elaborado pela ONG WeWorld, que se ocupa de defender os direitos de meninos, meninas e mulheres em risco na Itália e no sul do Mundo, o WeWorld Index 2017 aponta que em 102 países existe exclusão grave ou gravíssima de crianças, adolescentes e mulheres. Seriam 38% de todas as crianças e mulheres do mundo, cerca de 2 bilhões de pessoas, que vivem em países em que há formas graves ou gravíssimas de exclusão.
Segundo a nota enviada à Agência Fides, entre 2016 e 2017, o fenômeno aumentou em 22 milhões e se não houver uma ação imediata, até 2030, no atual ritmo, as mulheres e a população de menores de 18 anos habitante em países onde há formas ou gravíssimas de exclusão aumentará de 286 milhões (além do bilhão e 800 mil de hoje), número equivalente à população de toda a Europa ocidental.
(AP) (4/5/2017 Agência Fides)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network