AMÉRICA/HONDURAS - Mais de 90 mil crianças com desnutrição crônica

Quarta, 3 Maio 2017

Internet

Tegucigalpa (Agência Fides) – A carência de gêneros alimentares, de acesso a serviços básicos de saúde, de água potável e de higiene, são algumas das causas que, ano após ano, favorecem o incremento dos casos de desnutrição crônica infantil em Honduras. Segundo o Relatório do Fundo das Nações Unidas para a Infância, os dados sobre a desnutrição apontam a existência de 90 mil crianças hondurenhas sem acesso a médicos em hospitais.
Não obstante programas assistenciais e doações de governos estrangeiros e de ONGs, continuam a aumentar o número e a porcentagem de desnutrição infantil no país, que conta 8 milhões de habitantes. Os departamentos ocidentais, onde não são produzidos gêneros alimentares, são os que mais sofrem. As crianças membros das diversas etnias hondurenhas são as mais afetadas pela desnutrição crônica. De acordo com o Programa Alimentar Mundial, 20 crianças hondurenhas em cada 100 são vítimas de desnutrição crônica e a maior parte delas tem menos de 5 anos.
(AP) (3/5/2017 Agência Fides)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network