AMÉRICA/BRASIL - Convite dos Bispos para aderir à greve nacional “a fim de defender os direitos adquiridos, em defesa da vida e da dignidade de todos”

Quarta, 26 Abril 2017 política   bispos   direitos humanos  

Dom Francesco Biasin

Brasília (Agência Fides) - O Bispo de Barra do Piraí-Volta Redonda, Dom Francesco Biasin, pediu aos fiéis de sua diocese para aderir à greve geral convocada pelos sindicatos para sexta-feira, 28 de abril. “Encorajo todos a participar e buscar justiça e dignidade”, disse o prelado num vídeo postado no site de sua diocese e relançado nas redes sociais. “É uma causa justa” - explicou - “defender os direitos adquiridos, em defesa da vida e da dignidade de todos, especialmente dos pobres e indefesos”.
A greve foi convocada por todos os sindicatos brasileiros como protesto contra a reforma da previdência e a reforma trabalhista, propostas pelo governo do presidente Michel Temer. As reformas vão aumentar a idade mínima para a aposentadoria e eliminar direitos de trabalhadores e algumas garantias, uma tentativa do governo de reduzir o déficit orçamentário e favorecer a criação de empregos.
“Mostremos aos nossos líderes a nossa indignação em relação às reformas impostas à população, sem diálogo com a sociedade civil organizada e o nosso desejo de construir um Brasil melhor para todos”, disse o Bispo.
O convite de Dom Biasin não ficou isolado: também Dom Fernando Antônio Saburido, O.S.B., Arcebispo de Olinda e Recife, publicou um convite a seus fiéis para participar da greve nacional. “A classe operária não pode perder os direitos que foram conquistados com tanto suor”, consta no comunicado.
Iniciam-se hoje em Aparecida os trabalhos da Assembleia da Conferência Episcopal e o Secretário, Dom Leonardo Steiner, Bispo auxiliar de Brasília, já anunciou que o tema estará na pauta de hoje, 26 de abril.
(CE) (Agência Fides, 26/04/2017)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network