AMÉRICA/COLÔMBIA - A força das palavras: um projeto para levar a leitura às crianças dos bairros mais remotos

Sábado, 8 Abril 2017

Internet

Bogotá (Agência Fides) – Não obstante na capital colombiana existam 8 milhões e meio de habitantes e 19 bibliotecas públicas, estas ficam distante das áreas mais pobres. Nos bairros mais precários, os livros são um luxo muito caro para as crianças. Graças ao “senhor dos livros”, como foi chamado o homem que há quase 20 anos recupera do lixo os livros que as pessoas jogam, foi criada a primeira biblioteca comunitária num bairro pobre de Bogotá. Do empenho deste homem nasceu o projeto “A força das palavras” que, com outras atividades, organiza laboratórios de leitura. Sem ajudas institucionais e financiamentos, esta pessoa, que se locomove com uma van, decidiu aproximar a leitura de meninos e meninas dos locais mais remotos da Colômbia e das regiões indígenas, onde os livros não chegam. Trata-se de um projeto fruto da pura dedicação pelos outros de um pessoa e de sua família que, através do mundo dos livros, se empenharam em facilitar a leitura e a instrução para todos.
(AP) (8/4/2017 Agência Fides)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network