ÁFRICA/GUINÉ EQUATORIAL - Criação das dioceses de Evinayong e Mongomo e nomeação dos primeiros Bispos

Sábado, 1 Abril 2017

Cidade do Vaticano (Agência Fides) – No dia de hoje, o Santo Padre Francisco criou as duas novas dioceses de Evinayong e Mongomo (Guiné Equatorial) dividindo as Dioceses de Bata e Ebebiyin, tornando-as sufragâneas da sede metropolitana de Malabo. O Santo Padre nomeou como primeiro Bispo de Evinayong o Rev.do Calixto Paulino Esono Abaga Obono, do clero de Bata, Reitor do Seminário Menor e Pároco; como primeiro Bispo da diocese de Mongomo foi nomeado o Rev.do Pe. Juan Domingo-Beka Esono Ayang, C.M.F., Ecônomo do Seminário Claretiano de Bata, além de professor no Seminário Maior Interdiocesano. Enfim, o Santo Padre nomeou como Bispo da diocese de Ebebiyin o Rev.do Miguel Angel Nguema Bee, S.D.B., Superior Provincial da África Tropical Equatorial.
A recém-criada diocese de Evinayong compreende toda a Província civil de Centro Sur, cuja capital é a cidade de Evinayong. É sufragânea da arquidiocese de Malabo. A atual igreja paroquial de Evinayong, dedicada a São José, se torna a Igreja Catedral da recém-criada diocese.
O rev.do Calixto Paulino Esono Abaga Obono, primeiro Bispo de Evinayong, nasceu em 17 de março de 1969 em Ebang-Zomo (Ebebiyin). Em 1989 entrou no Seminário Menor Juan Pablo II, antes de passar ao Seminário Maior Interdiocesano La Purísima em Bata, em 1994, onde completou os estudos de Filosofia e de Teologia. Obteve ainda o mestrado em Teologia Fundamental na Universidade de Navarra, na Espanha (2003-2005). Foi ordenado sacerdote em 22 de dezembro de 2000. Após a ordenação sacerdotal, desempenhou os seguintes cargos: 2000-2003: Pároco da Comunidade da San Miguel Arcángel de Mongó (Niefang) e, depois, responsável pela paróquia María Reina; 2003-2005: Estudos superiores em Navarra (Espanha); desde 2005: Pároco de María Reina e Reitor do Seminário Menor Juan Pablo II de Bata, além de Diretor da Comissão diocesana para a saúde.
A recém-criada diocese de Mongomo compreende toda a província civil de Wele-Nzas. É sufragânea da arquidiocese de Malabo. A atual igreja da Imaculada de Mongomo se torna a catedral da nova diocese.
O rev.do Pe. Juan Domingo-Beka Esono Ayang, C.M.F., primeiro Bispo de Mongomo, nasceu em 18 de fevereiro de 1969 em Mabewele-Yenkéng, município de Niefang (Bata). Depois do ensino secundário, completou os estudos superiores no Seminário Menor Claretiano de Malabo. Realizou dois anos de estágio antes do Noviciado, durante os quais realizou estudos magistrais. Entrou no Noviciado dos Claretianos nos Camarões; seguiu os estudos de Filosofia na Universidade de Kinshasa e completou o estudo de Teologia no Instituto Teológico de Ngoya em Yaoundé, nos Camarões. Conseguiu um Mestrado em Teologia Sistemática na Faculdade de Teologia de Cartuja, em Granada (Espanha). Emitiu a profissão perpétua em 2 de setembro de 2002 e foi ordenado sacerdote em 28 de setembro de 2003.
Após a ordenação sacerdotal, ocupou os seguintes cargos: 2003-2004: Diretor do Colégio Claretiano de Niefang e Coadjutor da Paróquia María Reina; 2004-2008: Diretor do Colégio Claretiano de Luba e Coadjutor da paróquia de Nuestra Señora de Monserrat; 2008-2014: Pároco do Santuário Claret de Malabo; 2014-2016: Estudos superiores em Granada (Espanha); desde 2016: Ecônomo do Seminário Maior Claretiano “La Purísima” de Bata, docente em vários institutos acadêmicos.
O rev.do Miguel Angel Nguema Bee, S.D.B., Bispo de Ebebiyin, nasceu em 13 de julho de 1969 em Bata (Guiné Equatorial). Após frequentar o ensino fundamental e médio na Guiné Equatorial, teve que fugir, com sua família, da dura perseguição anticristã do então ditador Francisco Macías. Encontrando refúgio em Gâmbia, ali concluiu o ensino secundário. Retornou à Guiné, onde pôde se aproximar da Congregação Salesiana e em 1992 ingressou no Noviciado, iniciando os estudos filosóficos no Seminário Salesiano de Lomé, em Togo, e completando em seguida a Teologia em Lubumbashi, na República Democrática do Congo. Possui Mestrado em Pedagogia da Formação, obtida na Pontifícia Universidade Salesiana em Roma. Emitiu a profissão perpétua em 19 de julho de 1998. Foi ordenado sacerdote em 24 de julho de 2000.
Após a ordenação, ocupou os seguintes cargos: 2000-2004: Colaborador na Comunidade Salesiana de Pointe Noire, onde desempenhou também a função de Ecônomo; 2004-2008: Diretor da Comunidade provincial de Yaoundé; 2008-2010: Estudos superiores em Roma; 2010-2014: Vigário Provincial em Yaoundé; desde 2014: Superior Provincial da África Tropical Equatorial durante dois mandatos. (SL) (Agência Fides 1/4/2017)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network