AMÉRICA/ARGENTINA - As ameaças dos narcotraficantes obrigam um sacerdote a se transferir

Quarta, 15 Março 2017
As ameaças do narcotráfico obrigam a transferência

As ameaças do narcotráfico obrigam a transferência de um sacerdote

Moreno (Agência Fides) - Com uma carta assinada pelo Bispo da Diocese de Merlo-Moreno, Dom Fernando Carlos Maletti, foi comunicado que o sacerdote Eduardo Farrell será transferido da Paróquia Sagrado Coração, do bairro Cuartel V, depois de repetidas ameaças recebidas. Trata-se de uma decisão forçada, baseada na grande preocupação das comunidades que sofrem atos de violência, também extremamente graves, como a perda de vidas humanas.
O bispo também sublinhou o comércio ilícito da droga nos bairros, que aumenta cada vez mais e que provoca a deterioração da saúde dos jovens e confrontos brutais. A Igreja, junto com outras instituições, está comprometida há muito tempo no trabalho de prevenção da dependência de droga. Dom Maletti afirmou que “estas tarefas pastorais se confrontam com os interesses mesquinhos e obscuros daqueles que buscam somente o poder territorial e o lucro a todo custo com atividades ilegais e cumplicidades suspeitas”.
“Nos últimos tempos, muitas pessoas, fiéis e não, membros da Igreja e não, receberam sinais claros de que as suas ações e sua pregação incomodavam os setores que trabalham fora da lei. Nos últimos meses, sobretudo nos últimos dias, advertências e ameaças foram repetidas na área de Cuartel V e dirigidas a Pe. Eduardo Farrell”, lê-se no comunicado enviado a Fides. “Denunciamos publicamente esta situação preocupante e reiteramos o nosso compromisso em continuar como Igreja trabalhando com os nossos irmãos e irmãs que pedem, com toda a razão e justiça, o direito a uma vida digna”, conclui o texto assinado também pelo Bispo auxiliar e pelo Vigário Geral da diocese. (CE) (Agência Fides, 15/03/2017)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network