AMÉRICA/PORTO RICO - Rejeitado o plano fiscal do Governador. É preciso proteger a população mais vulnerável

Sexta, 10 Março 2017

Eric LeCompte, direttore esecutivo della coalizione religiosa di sviluppo Jubilee USA

Eric LeCompte, diretor executivo da coalizão religiosa de desenvolvimento Jubilee USA

Washington (Agência Fides) – O Financial Oversight and Management Board (FOM) de Porto Rico rechaçou o plano fiscal do Governador Ricardo Rosselló, que tem tempo até 11 de março para apresentar uma revisão do plano. Eric LeCompte, diretor executivo da coalizão religiosa de desenvolvimento Jubilee USA, que testemunhou no Congresso e no FOM sobre a crise financeira da ilha, enviou à Fides o seguinte comentário:
“A crise em Porto Rico está piorando e precisamos proteger as populações vulneráveis. A ilha precisa de uma redução significativa da dívida e de um plano econômico que sustente o crescimento econômico”.
O diretor de Jubilee USA, apresentou em novembro passado à FOM uma declaração de Dom Roberto González Nieves, Arcebispo de San Juan de Puerto Rico, e do reverendo Heriberto Martínez, secretário geral da Sociedade Bíblica de Porto Rico, que estão na linha de frente para defender as comunidades vulneráveis da crise. “Cremos que os planos, as políticas e as reformas da dívida devam ser julgadas em função do impacto sobre as populações vulneráveis” disse LeCompte. "Aqueles que nada fizeram para criar esta crise estão suportando o peso de alguns de seus aspectos piores” (veja Fides 28/01/2017).
(CE) (Agência Fides, 10/03/2017)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network