AMÉRICA - A REPAM vai à Comissão Interamericana de Direitos Humanos para defender os direitos dos povos indígenas

Quinta, 2 Março 2017 meio ambiente   indígenas   violência  

Repam na Comissão Interamericana de Direitos Humanos

Washington (Agência Fides) – A Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH) notificou à Rede Eclesial Pan-amazônica (REPAM), a convocação para a audiência ordinária n.161 para a discussão sobre questões relativas ao direito ao território dos povos indígenas e das comunidades da Amazônia. A audiência será em 17 de março de 2017, às 12h25, em sua sede de Washington, segundo carta enviada por Elizabeth Abi Mershed, Vice-Secretária Executiva da CIDH.
Esta ação faz parte de um amplo programa relativo aos direitos do homem proposto pela REPAM, que apresenta treze casos de defesa do território na Colômbia, Equador, Peru, Bolívia e Brasil.
À CIDH serão apresentadas quatro experiências que refletem os grandes desafios que a região Pan-amazônica deve enfrentar em relação a situações de violação do direito ao território. Estará presente nesta sessão Dom Pedro Barreto, vice-presidente da REPAM.
Dentre as experiências em situações difíceis, a REPAM assinala as da Comunidade agrícola Buriticupú (nordeste do Brasil), da comunidade indígena Tundayme (sul do Equador Sud), dos povos indígenas de Tagaeri e Taromenani (norte do Equador) e da comunidade de Yurimaguas (Floresta peruana).
(CE) (Agência Fides, 02/03/2017)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network