AMÉRICA/GUATEMALA - Continua o fluxo de migrantes que chegam à Guatemala em direção dos Estados Unidos

Segunda, 20 Fevereiro 2017

Migrantes chegados à Guatemala sem documentos

Cidade da Guatemala (Agência Fides) – Continua o fluxo de migrantes que chegam à Guatemala com a esperança de poder entrar de alguma maneira nos Estados Unidos: é o que afirma uma nota da Prensa Latina, enviada à Fides, que aponta que desde o início de 2017 já são 1.254 os migrantes que entraram na Guatemala sem documentos. A Direção Geral da Migração (DGM) assinalou ainda que destes, 953 são mulheres. Dentre os países de origem, estão Haiti, Eritreia, Guiné, Cuba, Índia, Nepal e outros ainda, em menor número. Os africanos estão aumentando numericamente.
A nota informa que um grupo de migrantes foi salvo pela Polícia Nacional Civil da Guatemala: uma rede criminosa os havia sequestrado e pedia, a eles ou a seus familiares, 40 mil dólares para libertar cada um. A nota assinala que, segundo o protocolo, estas pessoas são retidas para serem cadastradas e reenviadas a seus países de origem. Segundo a Comissão da Mobilidade Humana do Congresso da Guatemala, em 2016 8.387 pessoas foram cadastradas nesta situação.
Após o aumento das medidas de segurança na fronteira meridional do país (veja Fides 14/02/2017), os grupos de migrantes não se reduziram, mas buscaram outras passagens para entrar na Guatemala, país que representa a "porta de ingresso" para o México, vizinho dos EUA. (CE) (Agência Fides, 20/02/2017)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network