ÁSIA/FILIPINAS - Congresso mariano em Cebu. “A fé deve incidir na vida”

Quinta, 16 Fevereiro 2017

Cssr

Cebu (Agência Fides) - O Congresso Mariano dedicado ao Jubileu da Mãe do Perpétuo Socorro, que se abriu hoje em Cebu city, no santuário dos Padres redentoristas, não será só dedicado a temas de cunho espiritual, mas abordará também temas sociais, como a campanha do governo nacional contra as drogas, que deixou mais de 7.600 vítimas em seis meses, ocupando as primeiras páginas dos jornais e dividindo, no que diz respeito à abordagem, a Igreja católica e o governo do Presidente Duterte. É o que diz à Agência Fides o redentorista pe. Cris Mostajo, ilustrando as atividades do congresso que celebra 150 anos do ícone de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.
Mais de 700 pessoas estão participando do Congresso, iniciado hoje, 16 de fevereiro. Pe. Mostajo releva: “Estamos tristes pelo fato que, apesar da fé dos filipinos e da devoção à Virgem Maria, a cultura da morte e a indiferença atraiam tantas pessoas”. “Hoje, nos encontramos diante da triste realidade de nosso país, onde a sacralidade da vida humana é violada por uma espécie de ‘limpeza’ dos membros indesejados da sociedade”, explica. “É necessário que a fé incida na vida do fiel”. No Congresso será também falado sobre a presença e o papel da mulher na Igreja, a história da devoção mariana nas Filipinas. Haverá ainda testemunhos de missionários, professores e cônjuges, e celebrações litúrgicas envolvendo os fiéis.
Também o sacramento da reconciliação, explicam à Fides os Redentoristas, “pode ser o ponto inicial de uma redenção pessoal. Se alcoólatras e toxicômanos se aproximam do sacramento, ele pode ser o início de um percurso de cura e reeducação”. Os Redentoristas promovem encontros e percursos de acompanhamento reservados a pessoas que lutam para sair da dependência de drogas, álcool e jogo. (PA) (Agência Fides 16/2/2017)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network