ÁFRICA/ZIMBÁBUE - A África do Sul tranquiliza as autoridades de Harare: “protegeremos seus expatriados das ameaças xenófobas”

Segunda, 30 Janeiro 2017 xenofobia  

Harare (Agência Fides) - O governo de Zimbábue obteve garantias das autoridades sul-africanas sobre as medidas para enfrentar as recentes ameaças xenófobas contra a comunidade de zimbabuanos que vivem no país. Foi o que declarou o Vice-Ministro do Interior, Obedingwa Mguni, segundo quem, “o governo sul-africano garantiu a segurança de nossos compatriotas. Não permitirão de nenhum modo ataques xenófobos. Estou bastante certo disso”, disse.
As tensões na África do Sul contra estrangeiros aumentaram depois que um grupo denominado “Mamelodi Concerned Residents” divulgou uma carta de ameaças na qual acusa os imigrantes de cometer crimes como tráfico de drogas e roubos.
O Ministro do Interior sul-africano, Malusi Gigaba, declarou, no entanto, que suspeita que por detrás das ameaças contra a comunidade de expatriados provenientes de Zimbábue existam algumas forças da oposição do Zimbábue, a fim de pressionar os zimbabuanos à repatriação para votar nas próximas eleições. A maior parte daqueles que expatriaram são considerados opositores do Presidente Robert Mugabe, no pode desde 1980. (L.M.) (Agência Fides 30/1/2017)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network