ÁFRICA/UGANDA - Curado o primeiro paciente com tuberculose multirresistente

Sábado, 28 Janeiro 2017 saúde  

CUAMM

Lorengachora (Agência Fides) - O Centro de saúde de Lorengachora, em Uganda, festejou a cura do primeiro paciente com tuberculose multirresistente, depois de dois anos de terapia. Trata-se de um dos muitos resultados que Médicos com a África Cuamm leva para casa. No outono de 2014, de fato, Cuamm começou um programa para debelar a patologia na região de Karamoja, graças também ao suporte da FAI (Fondation Assistance Internationale) e do Grupo de apoio – Hospital de Matany de Milão. A tuberculose multirresistente é uma patologia que se propaga facilmente, em especial em locais superlotados, mas que, sobretudo, é lenta e difícil de curar. Segundo refere Cuamm, os pacientes identificados até agora são 13 em toda a região: são curados em casa, mas tendo o Centro de saúde como referência. A organização intervém em todas as fases: providencia os transportes, controla a disponibilidade dos medicamentos e supervisiona os funcionários locais. No início, se ocupava também de fornecer alimentos aos pacientes em tratamento que não conseguiam prover a si mesmos. Depois, o governo nacional aceitou cuidar deste aspecto.
(AP) (28/1/2017 Agência Fides)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network