ÁFRICA/RD CONGO - Em Kivu do Norte sequestros e ataques a militares: assim os terroristas das ADF acolhem uma delegação da ONU

Terça, 15 Novembro 2016 grupos armados   terrorismo  

Kinshasa (Agência Fides) - Novos ataques das ADF em diferentes localidades do território de Beni, na província de Kivu do Norte, na República Democrática do Congo, onde a atuação de vários grupos armados aterroriza a população, incluindo as Forças Democráticas Aliadas (ADF), de origem ugandense, mas há anos instalada na área.
Segundo informações recebidas pela Agência Fides, em 12 de novembro, pelo menos 12 pessoas foram sequestradas em Matukaka, 15 km ao nordeste de Beni (a cidade que dá nome ao território). Dois deles conseguiram escapar e disseram que o grupo que os havia sequestrado era composto por pelo menos 200 guerrilheiros.
Sempre em 12 de novembro, as ADF atacaram outra aldeia e uma tropa das forças armadas congolesas. Outro ataque contra um posto militar foi feito na noite de domingo, 13 novembro na área de Eringeti.
O novo ataque dos terroristas das ADF ocorreu na véspera da visita de uma delegação do Conselho de Segurança da ONU para verificar a situação em Kivu do Norte. (L. M.)
(Agência Fides 15/11/2016)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network