AMÉRICA/MÉXICO - Sequestrado e torturado o sacerdote que condenava o crime e a corrupção

Segunda, 14 Novembro 2016 violência   animação missionária   bispos   igrejas locais  

Dom Lopez Plaza

Veracruz (Agência Fides) - O sacerdote diocesano José Luis Sánchez Ruiz, sequestrado na sexta-feira, 11 de novembro, foi libertado ontem com “evidentes sinais de tortura”, segundo um comunicado da Diocese de San Andres Tuxtla (Veracruz, México), assinado por Dom Fidencio Lopez Plaza.
No comunicado, enviado a Fides, o Bispo agradece pelo interesse das autoridades e informa que a comunidade aguarda as conclusões do ministério público para esclarecer os fatos. Dom Lopez Plaza agradece também pela "forte solidariedade e a oração de todos os fiéis, assim como da Conferência Episcopal Mexicana, e em especial dos Bispos da Província Eclesiástica de Veracruz".
Segundo a imprensa local, Pe. Sánchez Ruiz, pároco da paróquia Los 12 Apóstoles em Catemaco, nos dias precedentes ao sequestro recebeu ameaças, certamente por suas duras críticas contra a corrupção e o crime na cidade de Catemaco. Mais de uma vez, os cidadãos manifestaram contra a falta de segurança e a prepotência do crime organizado. Em várias ocasiões, Fides sinalizou que os estados mexicanos de Veracruz, Guerrero e Michoacán são as regiões mais violentas inclusive para os sacerdotes.
(CE) (Agência Fides 14/11/2016)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network