ÁSIA/SÍRIA - Arcebispo maronita de Aleppo: “Trégua falida. Disparo contra civis que queriam fugir dos bairros nas mãos dos rebeldes”

Sábado, 5 Novembro 2016 guerras   igrejas orientais  

proterrasancta.org

Aleppo (Agência Fides) - Não houve efeitos concretos a trégua em Aleppo, anunciada pelo exército sírio e pelas forças militares russas para a sexta-feira, 4 de novembro, com a motivação de permitir aos civis dos bairros orientais, nas mãos das milícias contra Assad, de sair das áreas assediadas. É o que confirma à Agência Fides o arcebispo maronita Joseph Tobij responsável pela arquieparquia maronita da cidade mártir síria. “Alguns civis”, refere a Fides o Arcebispo, “queriam sair, mas atiraram contra eles e assim o seu desejo não foi realizado”. O arcebispo conta que o ataque perpetrado na última semana pelos rebeldes e milícias jihadistas contra bairros controlados pelo exército sírio provocou quase noventa mortos: “Lances fortes de morteiros atingiram escolas. Os moradores estão novamente terrorizados. Os residentes nas áreas de Hamadaniye e ad Halab al Jadida abandonaram suas casas. Os últimos ataques obrigaram milhares de famílias e procurar áreas mais seguras”. (GV) (Agência Fides 5/11/2016).


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network