AMÉRICA/PANAMÁ - “Quem aceita dinheiro da corrupção envenena os próprios filhos”, denuncia Dom Ulloa

Sábado, 5 Novembro 2016 pobreza   democracia   bispos  

Dom José Domingo Ulloa Mendieta, O.S.A

Panamá (Agência Fides) – “Quem leva para casa dinheiro ganho com a corrupção alimenta os próprios filhos com pão envenenado”: são as duras palavras do Arcebispo de Panamá, Dom José Domingo Ulloa Mendieta, O.S.A. durante a celebração do Te Deum no dia da festividade nacional do Panamá.
Como apurado pela Fides, diante do presidente do Panamá, Juan Carlos Varela e de todas as autoridades, Dom Ulloa denunciou a corrupção e a falta de transparência que reinam no país.
“Devemos todos aplicar a ética na política. É preciso dizer ‘basta’ à corrupção”, disse com voz forte e clara. “Não podemos fazer de conta nem virar a cara ignorando a responsabilidade de gerar as mudanças de que o país precisa”, continuou.
Segundo a nota enviada à Fides, o Bispo relevou: “Quem paga pela corrupção? Os pobres. Os hospitais estão sem remédios, os doentes sem terapias, e as crianças sem instrução pública. A pátria não é um ‘business’, mas uma herança a ser tutelada e servir”. (CE) (Agência Fides, 05/11/2016)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network