ÁSIA/TURQUIA - Estado de emergência: aumentam as proibições aos jornais das minorias

Quarta, 19 Outubro 2016 minorias religiosas   minorias étnicas   mídia  

Agos

Ankara (Agência Fides) – No âmbito do ainda vigente “estado de emergência” proclamado pelo governo turco após o fracassado golpe de 15 de julho, a Gazeta oficial turca publicou novas disposições para regulamentar a atividade dos jornais e publicações com artigos escritos em línguas diferentes da turca, categoria à qual pertencem os jornais dedicados às comunidades religiosas de minoria. As novas regras proíbem a republicação de anúncios oficiais institucionais e anúncios publicitários. A parlamentar Selina Doğan, deputada do Partido Popular Republicano (CHP), de orientação quemalista, apresentou uma instância ao Primeiro-Ministro Binali Yildirim pedindo explicações sobre as medidas, que a seu ver contradizem o Tratado de Losanne – que na Turquia representa ainda uma referência para a tutela das minorias – e não corresponde ao estabelecido na Constituição turca em relação ao direito de informação. (GV) (Agência Fides 19/10/2016).


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network