ÁSIA/IÊMEN - Os huthi denunciados por recrutar crianças-soldado entre os refugiados somalis

Segunda, 26 Setembro 2016 menores  

Internet

Sana’a (Agência Fides) - O presidente do Iêmen reconhecido pela comunidade internacional acusou os rebeldes hutu de recrutar crianças-soldado entre os refugiados somali. Diversos grupos que trabalham pelo respeito dos Direitos Humanos condenaram a terrível situação dos civis no Iêmen, perseguidos seja pelo grupo armado xiita dos huthi como pela coalizão militar liderada por Riad. A Arábia Saudita interveio no conflito iemenita em fins de março de 2015 para apoiar o Governo do Iêmen em sua luta contra os rebeldes huthi, apoiados pelo irã. Em comunicado enviado à Agência Fides, consta que recentemente, Yemen Data Project, um grupo formado por acadêmicos e ativistas de Direitos humanos, declarou que mais de um terço dos ataques da coalizão foram contra estruturas civis como mesquitas, escolas, hospitais e mercados. (AP) (Agência Fides 26/09/2016)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network