VATICANO - Seminário para novos Bispos da Congregação para a Evangelização dos Povos

Sexta, 2 Setembro 2016 congregação para a evangelização dos povos   bispos  

Cidade do Vaticano (Agência Fides) – 94 Bispos nomeados nos últimos dois anos nas circunscrições eclesiásticas dependentes do Dicastério Missionário, que participarão do Seminário de Estudos promovido pela Congregação para a Evangelização dos Povos. 42 Bispos são da África, provenientes de 19 nações; 36 provêm da Ásia; 12 Bispos são originários de 9 nações da América e enfim, 4 Bispos são de 2 nações da Oceania.
O Seminário de Estudos, iniciado em 1994, quer oferecer a todos os Bispos nomeados recentemente circunscrições eclesiásticas dos territórios de missão, um período de tempo, no início de seu cargo, para refletir, aprofundar a vida e o ministério Episcopal dialogar e rezar. Os docentes do curso são personalidades destacadas do mundo eclesial.
A programação prevê três palestras por dia, seguidas por debates e trabalhos de grupo. Domingo, 4 de setembro, os Bispos chegarão ao Pontifício Colégio São Paulo Apóstolo, sede do Seminário. O primeiro dia, segunda-feira, 5 de setembro, será aberto com a Concelebração Eucarística presidida pelo Card. Fernando Filoni, Prefeito do Dicastério Missionário, e com a saudação aos participantes. Em seguida, haverá a palestra “O Bispo como Servo do Evangelho” de Dom Savio Hon Tai Fai, Secretário da Congregação para a Evangelização dos Povos. À tarde, o Card. Robert Sarah fará a palestra “A atualidade da Missione ad gentes na realidade do mundo”. Terça-feira, 6, Dom Protase Rugambwa, Secretário adjunto da Congregação para a Evangelização dos Povos e Presidente das Pontifícias Obras Missionárias (POM), ilustrará estrutura, competências e atividades das POM.
O programa do Seminário contempla ainda intervenções dos Cardeais Kurt Koch (Diálogo ecumênico nos territórios de missão), Angelo Amato (Espiritualidade do Bispo), Peter Turkson (Doutrina Social da Igreja e evangelização), Lorenzo Baldisseri (Sínodo dos Bispos e comunhão episcopal), Marc Ouellet (O Papa e os Bispos: comunhão e missão), Beniamino Stella (Paternidade em relação aos presbíteros e formação do clero), George Pell (Serviço administrativo do Bispo).
Também tomarão a palavra os Arcebispos e Bispos: Paul Richard Gallagher (A Santa Sé e as relações com os Estados), Juan I. Arrieta (Programas pastorais e estruturas diocesanas de colaboração/Motu proprio Mitis iudex Dominus Jesus), Vincenzo Paglia (Formação dos leigos), Angelo V. Zani (Iniciativas educativas), José Rodriguez Carballo (Cuidado da vida consagrada), Charles Jude Scicluna (Celibato do clero e eclesiásticos acusados de abuso sexual), Luis Francisco Ladaria (Exercício do munus docendi), Artur Roche (Liturgia e santificação da Igreja), Miguel Ayuso Guixot (Diálogo inter-religioso nos territórios de missão).
Estão previstas ainda palestras de pe. Joseph Koonamparampil e do prof. Frank Elias (Vademecum para os Bispos), Dom Giampietro Dal Toso (o serviço da caridade), pe. Hans Zollner (Proteção dos menores e dos adultos vulneráveis), Dom Giampaolo Montini (Administração da justiça) e pe. Peter Gonsalves (Uso dos meios de comunicação na evangelização).
Sexta-feira, 9, terá lugar a audiência com o Santo Padre e domingo, 11 de setembro, os Bispos irão em peregrinação a Assis. O Seminário se encerra sábado, 17 de setembro, com a Concelebração Eucarística no túmulo do Apóstolo Pedro e a última conferência. (SL) (Agência Fides 2/09/2016)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network