ÁSIA/PALESTINA - O Presidente palestino Abu Mazen confere ao Patriarca latino Fouad Twal a “Medalha de Jerusalém”

Quarta, 13 Julho 2016 igrejas locais  

lpj.org

Ramallah (Agência Fides) – A poucos dias do final de sua missão à frente do Patriarcado Latino de Jerusalém, o Patriarca emérito Fouad Twal foi condecorado pelo Presidente palestino Abu Mazen com a “Medalha de Jerusalém”. Da cerimônia de honorificência, ocorrida no dia 12 de julho em Ramallah, na sede presidencial palestina, participaram também alguns representantes da equipe presidencial, inclusive o Dr. Majdi al Khaldi, conselheiro do Presidente Abu Mazen para as relações com as Igrejas e as comunidades cristãs. A Medalha – explicam fontes palestinas – foi conferida ao Patriarca em reconhecimento “pela liderança espiritual exercida pelo Patriarca e pelo serviço excepcional por ele oferecido ao povo palestino e à Igreja Católica na Palestina”.
Em 24 de junho, o Papa Francisco acolheu a renúncia apresentada pelo Patriarca Twal por limite de idade. Em seu lugar, como Administrador Apostólico sede vacante foi nomeado o Fr. Pierbattista Pizzaballa OFM.
Em uma entrevista publicada no site do Patriarcado Latino de Jerusalém, o Patriarca Twal falou sobre a herança que deixa nas mãos do novo Administrador Apostólico, observando que entre os pontos de força do Fr. Pizzaballa “está o fato de ter servido por 12 anos como Custódio da Terra Santa e de ter sido o Vigário do Patriarca Latino para a comunidade cristã de língua hebraica”. O Patriarca reconhece que a estes elementos positivos se soma “o problema da língua árabe, da mentalidade oriental e de toda a atividade pastoral (...). Será certamente mais fácil para ele – afirmou Twal – remediar as fraquezas da administração do que administrar o cuidado pastoral dos fieis árabes. Mas também é verdade que os fieis estrangeiros do Patriarcado Latino agora são mais numerosos do que os cristãos árabes locais”.
(GV) (Agência Fides 13/7/2016).


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network