ÁFRICA/EGITO - Arcebispo copta: aumentam os ataques sectários. Um a cada dez dias

Segunda, 11 Julho 2016 sectarismos  

CoptsUnited.com

Minya (Agência Fides) – Um apelo para pedir às forças policiais que respeitem a lei que tutela os cidadãos de qualquer discriminação sectária foi feito ontem por Anba Makarius, Arcebispo copta ortodoxo de Minya, depois da série de episódios que novamente, em que nas últimas semanas, cristãos egípcios foram vítimas de casos de violência. Estes ataques violentos, de várias naturezas, desde o assalto a residências a sequestros com pedidos de resgate – observou o Arcebispo copta ortodoxo – se sucedem com uma média de um a cada dez dias. Nos últimos tempos, registraram-se também assaltos em casas de famílias cristãs na aldeia de Karm el Loofy (veja Fides 9/7/2016), o incêndio em um asilo administrado por cristãos e em cultivos de propriedade de cristãos em duas aldeias da região de Minya. O episódio mais grave das últimas semanas foi o homicídio de Rafael Moussa, sacerdote copta-ortodoxo da igreja de São Jorge, perpetrado por um comando armado em Al Arish, cidade costeira no norte do Sinai que se encontra a apenas vinte km de Gaza. Grupos jihadistas reivindicaram o homicídio, definindo padre Rafael como um “combatente infiel”. (GV) (Agência Fides 11/7/2016).


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network