AMÉRICA/HONDURAS - Vinte e uma mil crianças repatriadas nos últimos 36 meses

Terça, 14 Junho 2016 menores  

Internet

San Pedro Sula (Agência Fides) - 20% do número total de migrantes repatriados em Honduras são menores. De acordo com os dados do Centro Nacional de Informações do Setor Social de Honduras (Ceniss) nos últimos 36 meses foram repatriadas mais de 21 mil crianças. Os números dramáticos refletem a gravidade do problema de muitas crianças que arriscam suas vidas tentando chegar aos Estados Unidos em busca de uma vida melhor. O fenômeno aumentou em 70% a partir de 2014, afirma Ceniss.
De acordo com a maioria dos menores repatriados, os problemas econômicos são a principal causa da imigração. Seguem as precárias condições familiar, a violência ou a insegurança, a violência nas famílias, motivos de estudo ou de saúde. Para conter o fenômeno da imigração ilegal, o país iniciou a operação chamada Coyote, porque apesar de mais de 90% das crianças serem expulsas antes de colocarem os pés nos Estados Unidos, a migração continua aumentando. Em poucos dias, graças a esta iniciativa, foram presas 7 pessoas em Copán, que tinham consigo 82 migrantes centro-americanos, dos quais 27 eram crianças. (AP) (14/6/2016 Agência Fides)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network