AMÉRICA/ARGENTINA - “Dirigir a atenção aos mais vulneráveis”: a Igreja de Jujuy diante da crise

Segunda, 6 Junho 2016 política   pobreza   áreas de crise  

Pobreza extrema em Jujuy

Jujuy (Agência Fides) – “Neste momento, as necessidades estão em aumento porque a vida está mais cara e a atenção deve ser dirigida aos mais vulneráveis”: foi o que destacou o Bispo de Jujuy, Dom Cesar Daniel Fernandez, conversando com alguns jornalistas ontem, depois da Missa dominical. Segundo nota enviada à Fides por uma fonte local, o Bispo também disse ter falado com o governador, Gerardo Morales, e ter oferecido a contribuição da Igreja.
“Ofereci o apoio da Igreja, com estruturas como a Caritas ou a acolhida social que se realiza em cada uma de nossas paróquias, a fim de que ninguém em nossa província se encontre em necessidade urgente”, explicou, recordando que as exigências da população são ouvidas principalmente através dos sacerdotes.
O Bispo evidenciou “o momento ruim que a província está vivendo” e acrescentou: “aguardamos a primavera com boas notícias, como trabalho e ajudas para as famílias”. Enfim, lamentou a politização das questões sociais: “devemos unir as forças para ajudar os outros e deixar de lado ideologias políticas que têm diferentes visões da realidade. Neste momento não se trata de discutir, mas de oferecer ideias para superar esta crise”.
A situação social em Jujuy, no norte andino, confim entre Bolívia e Chile, é terrível: muitos perderam o trabalho devido ao fechamento das fábricas e aumentaram as pessoas em condição de extrema pobreza. Dom Fernandez já o havia ressaltado em 25 de maio, participando de uma reunião com representantes de sindicatos e partidos políticos sobre a crise que a província está vivendo.
(CE) (Agência Fides, 06/06/2016)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network