ÁFRICA/ZIMBÁBUE - Renúncia do Bispo de Mutare e nomeação do sucessor

Segunda, 30 Maio 2016

Cidade do Vaticano (Agência Fides) - O Santo Padre Francisco, em 28 de maio de 2016, aceitou a renúncia ao governo pastoral da Diocese de Mutare (Zimbábue), apresentada por Dom Alexio Churu Muchabaiwa, conforme o cânone 401 § 1 do Código de Direito Canônico. O Papa nomeou Bispo da Diocese de Mutare o Pe. Paul Horan, O. Carm., Diretor da escola católica Kriste Mambo em Rusape, na Diocese de Mutare.
O Rev.do Pe. Paul Horan, O. Carm., nasceu em Drangan, Contea de Tipperary, na Irlanda, em 17 de outubro de 1962. Completou os estudos de Filosofia e Teologia, obtendo o Bacharelado no Instituto Milltown College em Dublin, na Irlanda (1990-1995). Em 15 de outubro de 1995, fez os votos perpétuos e foi ordenado sacerdote em 7 de junho de 1997 na Irlanda. Antes de entrar na Ordem dos Carmelitas trabalhou na Chartered Association of Certified Accountants of Ireland. Em 2001, obteve o Masters of Arts em Teologia Espiritual na Catholic University of America em Washington, D.C. Chegou ao Zimbábue como missionário em 2001.
Depois da ordenação sacerdotal desempenhou os seguintes cargos: 2001: Curso de língua Shona e experiência pastoral missionária; 2001-2004: Diretor do postulantado dos Padres Carmelitas em Rusape (Mutare); 2004-2006: Diretor do Noviciado dos Padres Carmelitas em Rusape; 2006-2008: Assistente da paróquia St. Kilian's em Makoni (Mutare); desde 2008: Diretor da escola católica em Kriste Mambo em Rusape. (SL) (Agência Fides 30/5/2016)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network