ÁFRICA/NIGÉRIA - “Parem com os ataques contra agricultores” pede o Arcebispo de Lagos

Sábado, 14 Maio 2016 grupos armados   terrorismo  

Abuja (Agência Fides) - Dom Alfred Adewale Martins, Arcebispo de Lagos, fez um apelo ao Presidente Muhammadu Buhari para que o governo intervenha para acabar com os massacres cometidos pelos pastores Fulani no sul do país (veja Fides 2/5/2016).
Segundo nota enviada à Agência Fides, o Arcebispo condenou os assassinatos de agricultores ao longo da chamada “middle-belt”, a faixa que divide o Norte do Sul da Nigéria e as sangrentas incursões dos pastores Fulani em algumas localidades do sul, Ukpabi e Nimbo, lamentando o comportamento permissivo da polícia, que faz com que quem cometa estes crimes se sinta “acima da lei”.
Os ataques, entretanto, continuam. Segundo notícias da imprensa, um pastor Fulani teria se reconhecido responsável pela decapitação de uma mulher e o ferimento grave de outras duas em uma localidade do Delta. Segundo o governo, os ataques atribuídos a pastores Fulani são cometidos, na realidade, por uma facção da seita islâmica Boko Haram. O Ministro da Agricultura, Heineken Lokpobiri, declarou que as pessoas presas em relação aos recentes ataques não falam Fulani ou outras línguas nigerianas, o que supõe que os terroristas sejam estrangeiros. (L.M.) (Agência Fides 14/5/2016)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network