AMÉRICA/REPÚBLICA DOMINICANA - "Desarraigar a violência": um mês após o assassinato do reitor da UASD

Sábado, 16 Abril 2016 violência   bispos   política   pobreza  
Dom Andrés Napoleon Romero Cardenas

Dom Andrés Napoleon Romero Cardenas

Santiago (Agência Fides) - Combater juntos e com determinação a fim de desarraigar a chaga da violência: este é o apelo lançado ontem pelo Arcebispo de Santiago de los Caballeros, Dom Freddy Antonio de Jesus Breton Martinez, e pelo Bispo de Barahona, Dom Andrés Napoleon Romero Cardenas. Embora tenham falado em locais e contextos diferentes, os dois pastores colocaram no centro de suas mensagens o drama da violência em Santo Domingo.
Dom Breton lamentou que no país apareceu o desejo de fazer justiça sozinhos: “Querem resolver tudo com as próprias mãos, sem refletir, e isto é a causa de tanta violência”. Depois acrescentou: “Nós dominicanos temos de assumir a prática da misericórdia, conforme proposto pelo Papa Francisco, como uma forma de enfrentar os elevados níveis de intolerância e violência que agora agitam a nossa sociedade”. A intervenção de Dom Breton foi o momento principal do 21º aniversário do programa de televisão "Convivência", realizado pelo semanário católico 'Caminho', um dos pontos de referência da cadeia nacional 'Teleunión', e foi transmitido em todo o país.
Dom Andres Napoleon Romero Cardenas, durante a missa celebrada na Universidade Autônoma de Santo Domingo (UASD), um mês após a trágica morte do ex-Reitor da Universidade, Mateo Aquino Febrillet, assassinado depois de uma discussão política, “convidou os cidadãos a desarraigar todas as formas de violência”, porque as únicas coisas que a violência causa são luto, choro e dor nas famílias".
Falando sobre Mateo Aquino Febrillet, o bispo sublinhou que “ele foi um promotor e um construtor de paz”, “e que morreu quando tentava levar a concórdia entre os homens”.
O assassinato do ex-reitor chocou toda a comunidade nacional, em especial a família universitária, sobretudo da UASD, onde por 20 anos ele foi professor e grande homem de cultura. (CE) (Agência Fides, 16/04/2016)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network