ÁFRICA/RD CONGO - Um morto e um ferido no ataque a um veículo da Caritas: o terceiro em um ano

Quarta, 30 Março 2016 caritas  

Kinshasa (Agência Fides) – Um motorista da Caritas foi morto em um atentado na rodovia nas redondezas de Uvira , no Kivu do Sul (província no leste da República Democrática do Congo).
O episódio ocorreu em 25 de março, quando um veículo da Caritas de Uvira encarregado de transportar os salários dos professores do Território de Fizi, foi interditado nas redondezas da ponte Lubumba, a mais de 40 km de Uvira.
Os delinquentes obrigaram o motorista a descer do veículo antes de matá-lo com um tiro na cabeça. O homem morreu durante o transporte para o hospital. A outra passageira, que cuida da contabilidade da Caritas, foi ferida na mão e solta pelos bandidos, que roubaram 194 milhões de francos congoleses.
O dinheiro pagaria os salários dos professores de 201 escolas de ensino fundamental e médio de cinco pequenas cidades do Território de Fizi.
Com base num acordo assinado em 2011 com o governo congolês, a Caritas Congo ficou encarregada de providenciar o pagamento dos salários dos professores, pagos pelo Ministério do Ensino (veja Fides 12/8/2011).
Segundo Rádio Okapi, que publica a notícia, este é o terceiro ataque contra um veículo da Caritas na região em um ano. O último foi em fevereiro, mas não teve consequências tão dramáticas. (L.M.) (Agência Fides 30/3/2016)



Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network