ÁSIA/ÍNDIA - Os cristãos pedem proteção e segurança na Páscoa

Segunda, 21 Março 2016 minorias religiosas   igrejas locais   terrorismo   hinduísmo   violência   perseguições  

facebook

Nova Délhi (Agência Fides) – Os cristãos indianos pedem ao governo proteção das igrejas e segurança, em vista das celebrações pascais. Como afirma, num comunicado enviado à Fides, o Conselho global de cristãos indianos (Gcic), “a proteção é necessária durante a Semana Santa” visto que “a violência contra os cristãos e as Igrejas não parece diminuir em várias áreas da Índia”. Em março de 2016, o Gcic registrou vários ataques contra os cristãos, como aquele perpetrado contra o Pastor Keshava, brutalmente atingido por militantes de grupos extremistas hinduístas perto de Jaipura, em Karnataka. Recorda-se que uma igreja construída recentemente foi atacada por vândalos em Coimbatore, em Tamilnadu, enquanto bíblias e textos sagrados foram queimados diante da gruta dedicada a Nossa Senhora de Fátima, construída em Pune.
“A comunidade teme um ataque organizado contra fieis e igrejas cristãs durante a Semana Santa. Como cristãos, participando das liturgias da paixão, morte e ressurreição de nosso Senhor Jesus Cristo, pedimos proteção e segurança para as nossas comunidades de fieis indefesos”, escreve o Gcic.
Os cristãos na Índia estão preocupados com a lentidão com a qual o sistema judiciário persegue os responsáveis pelos ataques. Dentre os episódios mais recentes, em 18 de março, seis cristãos, dentre eles uma menina de quatro anoos, ficaram feridos no povoado de Gopanpally, no Estado de Telangana, enquanto participavam pacificamente de uma vigília de oração numa sala cristã pentecostal. Os fieis foram espancados e obrigados a fugir, perseguidos por uma multidão de fanáticos. A sala foi devastada. (NC-PA) (Agência Fides 21/3/2016)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network
minorias religiosas


igrejas locais


terrorismo


hinduísmo


violência


perseguições