AMÉRICA/PARAGUAI - "O Estado ouça o clamor dos camponeses e suas propostas" pedem os Bispos

Quinta, 17 Março 2016 bispos   indígenas   áreas de crise   conferências episcopais  
Camponeses do Paraguai

Internet Gesuiti

Camponeses do Paraguai

Assunção (Agência Fides) - A Conferência Episcopal do Paraguai (CEP) manifesta o seu apoio às necessidades da população que dará vida ao XXIII “Mrcha dos Camponeses Pobres” programada para hoje, 17 de março, na capital paraguaia. São esperadas para participar milhares de famílias agrupados na Federação Nacional Campesina (FNC).
"Nós precisamos que a misericórdia abrace a justiça. Eis porque precisamos promover soluções estruturais para os problemas dos agricultores através do diálogo e do encontro entre os responsáveis pelas políticas públicas de desenvolvimento integral e sustentável", afirma a carta da CEP enviada à Fides.
Os bispos sublinham as necessidades das famílias que vivem em áreas rurais do país e reiteram que a solução seja estabelecer um modelo de "agricultura familiar" para os agricultores do Paraguai. Além disso, solicitam uma ação urgente no no campo da assistência de saúde e da educação pública de qualidade para a população rural. O texto se conclui recordando que "é responsabilidade do estado ouvir o clamor dos camponeses e suas propostas".
Foi enviado à Agência Fides o testemunho de Dom Gabriel Escobar Ayala, SDB, Bispo do Vicariato Apostólico de Chaco Paraguayo, que convida a população a denunciar a terrível situação das estradas no interior do país, especialmente no Alto Paraguai, que praticamente não existem. O Bispo disse que em 15 de março eles scorreram um menino doente da escola do “Internado Ñu Apu'a” a cerca de 100 km de Fuerte Olimpo. Embora eles tenham ido de carro, equipado para este tipo de terreno, eles quase não chegaram por causa das 17 interrupções encontradas ao longo do caminho, pondo assim em risco a saúde do menino. Dom Escobar já denunciou esta situação em ocasiões anteriores (veja Fides 29/02/2016). (CE) (Agência Fides, 17/03/2016)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network