ÁFRICA/GANA - Renúncia do Bispo de Wa e nomeação do sucessor

Quinta, 18 Fevereiro 2016

Cidade do Vaticano (Agência Fides) – No dia 17 de fevereiro de 2016, o Santo Padre Francisco aceitou a renúncia ao governo pastoral da diocese de Wa (Gana), apresentada por Dom Paul Bemile, em conformidade com o can. 401 § 1 do Código de Direito Canônico. O Papa nomeou como Bispo da diocese de Wa (Gana) o Rev.do Pe. Richard Kuuia Baawobr, M. Afr., Superior Geral dos Missionários da África (Padres Brancos).
Pe. Richard Kuuia Baawobr, M. Afr., nasceu em 21 de junho de 1959 em Tom-Zendagangn, diocese de Wa. Estudou na escola de ensino fundamental da aldeia, continuou os estudos no St. Francis Xavier Minor Seminary e na Nandom Secondary School. Entrou em 1979 no Seminário Maior diocesano St. Victor de Tamale, após os estudos filosóficos, em 1981 passou para a Sociedade dos Missionários da África, aonde prosseguiu a preparação ao sacerdócio. De 1981 a 1982 esteve em Friburgo, na Suíça, para o Noviciado. Sucessivamente, de 1982 a 1987, completou o estudos teológicos no Missionary Institute London (MIL). Em 5 de dezembro de 1986 emitiu os votos religiosos no St. Edward’s College de Londres e foi ordenado presbítero em 18 de julho de 1987.
Depois da ordenação, desempenhou os seguintes cargos e estudos: 1987-1991: Vigário paroquial em Livulu, Arquidiocese de Kinshasa, na República Democrática do Congo; 1991-1996: Estudante de Exegese no Pontifício Instituto Bíblico em Roma e de Espiritualidade Inaciana no Le Chatelard em Lion, na França, aonde obteve um Mestrado em Sagrada Escritura e o Doutorado em Teologia Bíblica; 1996-1999: Formador dos Missionários da África em Kahangala, na Tanzânia; 1999-2004: Diretor da casa de formação de Toulouse, na França; 2004-2010: Primeiro Assistente Geral dos Missionários da África. Desde 2010: Superior Geral dos Missionários da África (primeiro africano a ocupar este cargo), Vice Gran Chanceler do PISAI (Pontifício Instituto de Estudos Árabes-Islâmicos).
Foi escolhido pela União dos Superiores Gerais para participar da Assembleia Ordinária do último Sínodo dos Bispos sobre a Família, de 4 a 25 de outubro de 2015.
(SL) (Agência Fides 18/2/2016)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network