AMÉRICA/COLÔMBIA - A comunidade Wayuu abandonada por todos, denuncia Dom Salah Zuleta

Terça, 16 Fevereiro 2016 direitos humanos   pobreza   áreas de crise  

Comunidade Wayuu

Riohacha (Agência Fides) – Dom Héctor Ignacio Salah Zuleta, Bispo de Riohacha, falando a uma rádio local (BLU Radio) denunciou o abandono em que se encontra a comunidade nativa Wayuu, no departamento de La Guajira, e enumerou as causas dos problemas atuais.
"O problema não são somente as multinacionais – destacou o Bispo -. Para dar um exemplo: nós, como Igreja, administramos vários internatos que são o recurso para a formação do povo Wayuu. Numa dessas escolas, a 20 minutos de Riohacha, passa o conduto que leva o gás a Neiva, mas em nosso internato não há gás". E este é somente um pequeno exemplo do que está acontecendo na região. O Bispo depois voltou a denunciar a responsabilidade dos políticos pela morte das crianças de La Guajira por desnutrição: "A classe política não entendeu que seu primeiro dever é garantir o bem integral da população" (veja Fides 3/02/2016).
No entanto, outras causas agravaram a crise, como o fechamento da fronteira com a Venezuela, e eles "conseguiram obter alimentos a preços acessíveis". "Além disso, a seca é outro fator que está atingindo seriamente a nossa população, porque não se pode cultivar a terra como tradicionalmente sempre se fez", concluiu o Bispo.
(CE) (Agência Fides, 16/02/2016)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network