ÁSIA/JORDÂNIA - A Unesco reconhece o sítio do Batismo de Jesus como “patrimônio da humanidade”

Quarta, 3 Fevereiro 2016 peregrinações  

Paris (Agência Fides) - O sítio do Batismo de Jesus ao longo do Rio Jordão foi oficialmente declarado patrimônio da humanidade da Unesco, durante uma cerimônia realizada em Paris na noite de terça-feira, 2 de fevereiro. Participou da cerimônia de proclamação oficial uma delegação proveniente do Reino Hachemita da Jordânia, incluindo o ministro jordaniano para o turismo Nayef H Al-Fayez e o Arcebispo Maroun Lahham, Vigário Patriarcal para a Jordânia do Patriarcado Latino de Jerusalém. Em seu pronunciamento, proferido durante a cerimônia, Dom Lahham definiu o sítio do Batismo como “um lugar onde ressoa também a voz de Cristo”, num país, a Jordânia, “tranquilo e seguro, em meio a um Oriente Médio em chamas”. “O Evangelho, ressaltou o Vigário patriarcal, o declarou dois mil anos atrás, a devoção popular sempre confirmou, as pesquisas arqueológicas o evidenciaram, quatro Papas o visitaram e hoje a comunidade internacional o declara oficialmente. A partir de hoje, acrescentou o Arcebispo Lahham, nós podemos declarar em alta voz que a Jordânia é Terra Santa. A Terra Santa inclui também e sobretudo Jerusalém, Belém e Nazaré, mas a Jordânia não é por isso menos santa”. (GV) (Agência Fides 3/2/2016).


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network