OCEANIA/PAPUA NOVA GUINÉ - A seca alimentada pelo El Niño causa vítimas e destrói a agricultura

Sábado, 30 Janeiro 2016 fome  

paPisc

Yangun (Agência Fides) - Nas comunidades mais remotas atingidas pela seca na Papua Nova Guiné a população continua morrendo de desnutrição e doenças. Para evitar outras mortes, nos próximos meses são urgentes ajudas alimentares. Doenças como a malária estão se difundindo rapidamente visto que a pessoas estão muito fracas para combate-las. A seca e o gelo, que devastaram as colheitas no ano passado, deixando a agricultura de subsistência, sem nada para comer, foram ligadas ao fenômeno meteorológico El Niño que afetou duramente a PNG. Segundo o World Food Programme, dados mais recentes sugerem que pelo menos 700 mil pessoas no país precisam seriamente de alimento. Gêneros alimentícios de base, como as batatas doces, foram destruídas por causa da pouca chuva durante 2015 e depois pelo frio intenso de julho a outubro, enquanto os insetos destruíram muitas colheitas a seguir. Muitas comunidades são acessíveis somente a pé, com caminhadas longas de uma semana da cidade vizinha ou com aeronaves que podem aterrissar em pequenas faixas de terra no meio da floresta. (AP) (30/1/2016 Agência Fides)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network