http://www.fides.org

Asia

2003-10-10

ÁSIA/FILIPINAS - DIA DAS MISSÕES: O ROSÁRIO PELA PAZ E A EVANGELIZAÇÃO: NO FINAL DO ANO DO ROSÁRIO OS BISPOS CONVIDAM A DEDICAR O MÊS DE OUTUBRO À ORAÇÃO PELOS CINCO CONTINENTES

Manila (Agência Fides) – Na última reunião da Conferência episcopal, os bispos das Filipinas aprovaram algumas intenções para a oração do Santo Rosário que se referem à paz e à evangelização de cada continente. Os bispos convidam os filipinos a orarem de acordo com essas intenções durante o mês missionário de outubro, que conclui o Ano do Rosário. Essas são as intenções dos cinco mistérios do Terço:

Primeiro mistério: pela Ásia. Por intercessão de Maria, Nossa Senhora do Rosário, que os jovens povos da Ásia possam se esforçar para contribuir na construção de um mundo novo, fundado sobre a potência do amor e do perdão de Jesus, e na sua busca por um modelo de vida possam acolher o desafio de se tornarem os santos do novo milênio.
Segundo mistério: pela Oceania. Por intercessão de Maria, Nossa Senhora do Rosário, que o continente da Oceania possa repartir os benefícios da abundância e da paz com aqueles que sofrem com a pobreza, a falta de respeito pela sua dignidade e são provados pela guerra, para que o nome de Cristo seja conhecido e honrado em sua terra.
Terceiro mistério: pela Europa. Por intercessão de Maria, Nossa Senhora do Rosário, que a Europa, filha primogênita da Igreja, possa assumir de novo a força evangelizadora de proclamar a verdade sem compromissos, que fez nascer as tantas Igrejas do continente, e oferecer ao mundo um autêntico progresso.
Quarto mistério: pela América. Por intercessão de Maria, Nossa Senhora do Rosário, que a Igreja nas Américas possa vencer os desafios do consumismo, da secularização e do modernismo e abra as portas a uma nova estação de corajoso testemunho, ativa solidariedade e generoso empenho a serviço do Evangelho.
Quinto mistério: pela África. Por intercessão de Maria, Nossa Senhora do Rosário, que a África possa continuar a testemunhar o Evangelho, mensagem de reconciliação e solidariedade, e se torne sinal de esperança de uma humanidade renascida e renovada na graça do Senhor.
(S.L.) (Agência Fides 10/10/2003; Linhas 25 – Palavras 300)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network