EUROPA/ESPANHA - Campanha de ajuda aos refugiados para garantir reparo, alimento, vestuário, remédios, assistência psicológica, instrução e cuidado pastoral

Quinta, 3 Dezembro 2015 direitos humanos  

Aiuto Alla Chiesa che Soffre

Sevilha (Agência Fides) – Segundo os dados das Nações Unidas, atualmente no mundo existem 60 milhões de refugiados, sendo a Síria o primeiro país de proveniência. Muitos deles embarcaram em viagens extenuantes rumo a outros países, mas a maior parte se trata de deslocados internos. O mesmo acontece em outros locais, como a República Centro-Africana, o Sudão do Sul, o Líbano, a Nigéria ou a Ucrânia. Para dar um mão concreta a essas pobres vítimas, a fundação pontifícia Ajuda à Igreja que Sofre lançou a campanha 'Uma Igreja de campanha com os refugiados na origem’ para continuar a garantir aos refugiados e aos deslocados no mundo assistência humanitária e pastoral da Igreja. No decorrer deste último ano, AIS destinou grandes cifras para que a Igreja local ofereça reparo, alimento, vestuário, remédios, assistência psicológica, instrução e cuidado pastoral. Além disso, ajuda sacerdotes, religiosos e missionários engajados neste trabalho. (AP) (3/12/2015 Agência Fides)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network