VATICANO - Assembleia geral das Pontifícias Obras Missionárias: “Como apoiar a missão universal hoje e amanhã”

Quinta, 28 Maio 2015

Cidade do Vaticano (Agência Fides) – Abre-se segunda-feira, 10 de junho, os trabalhos da Assembleia Geral Anual das Pontifícias Obras Missionárias (POM), hospedados na Casa de Exercícios dos Salesianos, em Roma. Os Diretores Nacionais das POM provenientes de todos os continentes, com o Presidente e os Secretários gerais das quatro Obras, se encontrarão na reunião anual que terá a Sessão pastoral (1, 2 e 3 de junho) e a Sessão ordinária (4, 5 e 6 de junho).
Os trabalhos serão abertos com palestras do Card. Fernando Filoni, Prefeito da Congregação para a Evangelização dos Povos, e do Arcebispo Protase Rugambwa, Secretário adjunto da Congregação para a Evangelização dos Povos e Presidente das POM. A Sessão pastoral será dedicada ao tema “Como apoiar a missão universal hoje e amanhã” e terá como relator o Card. Orlando Quevedo, Arcebispo de Cotabato (Filipinas).
Quinta-feira, 4 de junho, terá início a Sessão ordinária da Assembleia, durante a qual os Secretários gerais das quatro Obras Pontifícias Missionárias apresentarão relatórios sobre o ano passado, a previsão do balanço e os pedidos de subsídio para os vários projetos em programa.
Tomarão a palavra o Secretário geral da Pontifícia Obra da Propagação da Fé, Pe. Ryszard Szmydki, OMI; Pe. Fernando Domingues, MCCJ, Secretário geral da Pontifícia Obra de São Pedro Apóstolo; a Dra. J. Baptistine Ralamboarison, Secretária geral da Pontifícia Obra da Infância Missionária; Pe. Vito Del Prete, PIME, Secretário geral da Pontifícia União Missionária, além de Diretor do CIAM e da Fides. Após as palestras, estão previstas intervenções, debates e a aprovação dos projetos. A última palestra será de Mons. Silvano Rossi, Encarregado da Administração.
Sexta-feira, 5 de junho, o Santo Padre Francisco receberá em audiência os participantes da Assembleia. O programa dos trabalhos prevê encontros dos Diretores nacionais por continente, a análise das decisões da Assembleia, a aprovação dos balanços e dos projetos, e enfim, as considerações finais. O pronunciamento conclusivo do Presidente das POM, Dom Rugambwa, encerrará os trabalhos da Assembleia sábado, 6 de junho. (SL) (Agência Fides 28/05/2015)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network