http://www.fides.org

News

2014-08-27

ÁSIA/IRAQUE - Bispos australianos: condenação do terrorismo, solidariedade e oração pelos perseguidos

Sydney (Agência Fides) – Grande preocupação pela crise humanitária que continua piorando no norte do Iraque. Condenação aberta ao uso do terrorismo em nome da religião: é o que expressam num comunicado os bispos autralianos sobre a crise no Oriente Médio.
“Milhares de cristãos foram obrigados a fugir de Mossul, Qaraqosh e outras áres do norte do Iraque pois os militantes do Estado Islâmico (IS) os intimam a se converterem ao Islã, caso contrário a morte”, recorda o texto, observando as graves condições de yazidi, muçulmanos xiitas, as minorias étnicas e religiosas no Iraque. Constatando a brutalidade do IS o texto nota que “o Governo iraquiano se demonstrou incapaz de defender seus cidadãos destes ataques”.
“Diante desse horror”, prosseguem os bispos, “os nossos corações estão com os que são perseguidos e estão sofrendo por causa de suas convicções. Nós estamos junto de nossos irmãos cristãos do Oriente Médio e convidamos a comunidade internacional a garantir a segurança das populações do norte do Iraque, detendo a limpeza étnica”.
Os bispos agradecem ao Governo australiano pela decisão de oferecer ajuda humanitária ao Iraque e afirmam que “a Austrália tem um papel importante a desempenhar como membro do Conselho de Segurança das Nações Unidas para garantir o futuro do povo iraquiano”.
“Solidários ao povo iraquiano”, conclui o apelo dos bispos, “pedimos aos fiéis católicos de toda a Austrália a fazerem a Deus uma oração especial pelo povo iraquiano neste fim de semana, agradecendo pela grande fé que demonstra e pedindo ao Senhor para proteger e velar todos os deslocados e os que sofrem”. (PA) (Agência Fides 27/8/2014)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network