http://www.fides.org

News

2014-07-23

ÁSIA/ÍNDIA - Uma escola especial para restaurar a dignidade e o papel social das pessoas com deficiência

Thrissur (Agência Fides) – Ser portador de deficiência na Índia é difícil. No ano 2.000, em Thrissur, Kerala, as Irmãs da Congregação das Samaritan Sisters (CSS) fundaram a escola especial "Snehadeepthi", com classes que vão desde a pré-escola ao ensino primário, do secundário ao profissional. Nessa escola, as crianças "especiais" recebem apoio e suporte psicofísico e educação. As crianças maiores também passam a fazer parte dos programas de formação profissional. Várias atividades que envolvem o uso de máquinas foram introduzidas com a ajuda do Governo estadual: dentre outras coisas realizam pratos de palmeiras, copos de papel, bolas de papel, com o objetivo de promover uma maior integração dos garotos na sociedade. Snehadeepthi oferece educação escolar e profissional a 140 crianças e adolescentes com deficiência mental. Muitos deles pertencem a famílias pobres e têm menos acesso ao trabalho do que o resto da população.
Desde criança a sua possibilidade de ir a escola é de 4 a 5 vezes menor do que a de outros. Sobre eles pesam preconceitos sociais e em alguns casos religiosos, que os colocam às margens da sociedade. Do ano 2.000 até hoje, a escola cresceu e tornou-se um ponto de referência. As irmãs estão pensando em construir outro pavilhão perto do futuro Generalato da Congregação para acolher novos membros, bem como receber apoio financeiro do Governo para 100 crianças. Para fazer isso deverão ativar um serviço de fisioterapia, terapia da linguagem adequadas aos espaços e garantir pelo menos um professor para cada 8 crianças. Este ano, 18 crianças de Snehadeepthi passaram nas provas das escolas estaduais; 3 participaram das Olimpíadas Especiais da Ásia e do Pacífico realizadas na Austrália, ganhando três medalhas. (AP) (23/7/2014 Agência Fides)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network