http://www.fides.org

News

2014-06-26

ÁFRICA/QUÊNIA – Preso governador de Lamu pelos ataques a aldeias no litoral

Nairóbi (Agência Fides) – O governador de Lamu, região litorânea do Quênia, foi preso no âmbito dos ataques à cidade de Mpeketoni e às aldeias limítrofes, que provocaram pelo menos 60 mortos (veja Fides 24/6/2014). Os crimes, reivindicados inicialmente pelos Al Shabaab somalis, foram atribuídos pelo Presidente Uhuru Kenyatta a forças políticas locais. Além do governador, a polícia deteve presumíveis membros do Conselho da República de Mombasa (MRC), grupo que reivindica a separação da faixa costeira do resto do Quênia.
O Bispo de Malindi e Administrador Apostólico de Mombasa, Dom Emanuel Barbara, referiu à Agência Fides sua preocupação que estas violências possam acentuar o conflito político no país (veja Fides 18/6/2014). Os líderes religiosos cristãos haviam convidado os responsáveis políticos quenianos a abster-se de publicar declarações incendiárias e a trabalhar, ao invés, pela concórdia nacional (veja Fides 24/6/2014). O convite foi reiterado pelo Cardeal John Njue, Arcebispo de Nairóbi, que pediu aos líderes do governo e da oposição que parem de fomentar a população. “Os líderes políticos pertencem a diversos partidos mas vivemos em um único país. Que nos permitam viver em paz e harmonia”, destacou o Cardeal Njue.
(L.M.) (Agência Fides 26/6/2014)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network