http://www.fides.org

News

2014-06-24

ÁSIA/TURQUIA – Quase terminada a restauração da igreja rochosa de São Pedro em Antioquia

Antakya (Agência Fides) – A igreja rupestre de São Pedro em Antioquia está ainda fechada e os trabalhos de restauração ainda não terminaram, mas a prefeitura competente concedeu a permissão aos cristãos de Antioquia, Iskenderun, Adana e Mersin de irem à igreja rupestre em 29 de junho, para celebrar com um momento de oração a Solenidade dos Santos Apóstolos Pedro e Paulo. Foi o que confirmou à Agência Fides o franciscano capuchinho Pe. Domenico Bertogli, pároco da igreja católica local de rito latino, responsável pelo jornal «Crônica de Antioquia». “Não ficou muito trabalho para fazer”, refere à Fides Pe. Bertogli, “e a abertura oficial será anunciada em 25 de julho próximo. Na mesma ocasião provavelmente será aberto também o novo museu arqueológico, construído não distante da igreja de São Pedro, que com seus espaços permitirá uma valorização adequada dos mosaicos e outros tesouros arqueológicos da cidade”.
Os trabalhos de restauração da igreja rochosa, financiados por instituições turcas, iniciaram em setembro de 2012 e teriam de durar cerca de um ano. A parte mais trabalhosa da obra de restauração foi a da segurança da igreja e de toda a área. O monte Silpius, onde ao lado se encontra a Gruta de São Pedro, é uma montanha friável e está se desmoronando. O atraso é devido a pensamentos ocorridos na fase de pavimentação da área em frente a Igreja. Os mosaicos presentes dentro, restaurados adequadamente, foram cobertos com proteção de vidros e colocados à mostra com uma iluminação no chão.
Desde 1967, por vontade do Papa Paulo VI, é possível obter a indulgência plenária visitando em peregrinação a gruta santa, único rastro histórico que sobrou da antiga Antioquia cristã,“Rainha do Oriente que competia com Roma”, Alexandria, Jerusalém e Constantinopla nos tampos da Pentarquia. A Igreja rupestre conserva ainda a fisionomia que lhe foi dada pelas cruzadas, que conquistaram Antioquia em 1098. Mas já os bizantinos transformaram em capela o local onde se encontravam os primeiros cristãos nos períodos de perseguição, na cidade onde pela primeira vez os discípulos de Jesus foram chamados cristãos e onde São Pedro foi Bipo, antes de vir a Roma.
A restauração põe fim ao estado de abandono em que se encontrava a Gruta de Pedro, prejudicada ainda mais por restaurações mal feitas. Nos anos passados, patriarcas e bispos sempre estiveram presentes nas celebrações organizadas por ocasião da solenidade dos Santos Pedro e Paulo. (GV) (Agência Fides 24/6/2014).

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network