http://www.fides.org

News

2014-05-28

ÁFRICA/CAMARÕES - Cardeal Tumi. “Que Boko Haram dialogue e liberte a religiosa e os sacerdotes sequestrados”

Yaoundé (Agência Fides) - "A mensagem que enderaçamos aos sequestradores que detêm os nossos irmãos é que eles os libertem e que dialoguem." Este é o apelo lançado através dos meios de comunicação pelo Cardeal Christian Wiyghan Tumi, Arcebispo emérito de Douala, à seita islamista nigeriana Boko Haram, convidando ao diálogo para libertar os dois sacerdotes, missionários Fidei Donum italianos, e a religiosa canadense sequestrada em 5 de abril no norte do país, na fronteira com a Nigéria. Segundo informações enviadas à Agência Fides, o Cardeal Tumi, ao condenar "a violência que não resolve nada", fez um apelo às autoridades e a Boko Haram para que sigam "o caminho do diálogo, do amor e evitem o ódio".
Os dois sacerdotes italianos Fidei Donum da diocese de Vicenza, Pe. Gianantonio Allegri e Pe. Giampaolo Marta, e a religiosa canadense de 80 anos, da ordem das Irmãs da Divina Vontade de Bassano del Grappa, foram sequestrados na noite entre os dias 4 e 5 de abril na Diocese de Maroua-Mokolo no norte da República dos Camarões. Na mesma área durante a noite entre 16 e 17 de maio foram sequestrados 10 cidadãos chineses funcionários de uma empresa que opera na área. O governo camaronês aumentou o controle ao longo da fronteira com a Nigéria para evitar novas incursões de Boko Haram. (L.M.) (Agência Fides 28/5/2014)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network