http://www.fides.org

News

2014-05-27

AMÉRICA/PERU - Para o Bispo de Chimbote "coligar todos os crimes é apenas jornalismo lixo"

Chimbote (Agência Fides) - O Bispo de Chimbote, Dom Ángel Francisco Simón Piorno, ficou profundamente chocado ao saber que alguns meios de comunicação o descreveram como pertencente à organização criminosa que opera na área da região de Ancash, organização que seria liderada pelo presidente regional, César Álvarez Aguilar. "É uma vergonha! Pelo que parece, sou o mais atingido em Ancash, não só pela corrupção, mas também pelos meios de comunicação nacionais que querem me ligar à corrupção", disse Dom Simon Piorno num vídeo enviado à Agência Fides pela RPP (Rádio Programas do Peru).
O Bispo qualificou como “lixo” os meios de comunicação que o ligam à rede criminosa sem pedir a sua versão: "Se o jornalismo se apresenta assim, estamos no mau caminho", concluiu.
Segundo as informações levantadas por Fides, em 2006 o Bispo de Chimbote (como todas as autoridades da região) pediu através de uma carta ao Presidente do Conselho dos ministros do governo de Alan García, Javier Velásquez, de dar início ao projeto especial Chinecas, um grande projeto de irrigação da região, que depois ficou parado devido à corrupção dos responsáveis.
Dom Simón Piorno foi recentemente obrigado a adotar medidas de segurança especiais após suas denúncias sobre a onda de criminalidade que alcançou níveis elevados na cidade de Chimbote (veja Fides 21/03/2014). O próprio Bispo denunciou a violência nas ruas da cidade, onde o número de homicídios era o mais alto no país, e guiou uma marcha pela paz (veja Fides 15/10/2013). (CE) (Agência Fides, 27/05/2014)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network