http://www.fides.org

News

2014-03-24

AMÉRICA/EL SALVADOR - Os salvadorenhos recordam o assassinato de Dom Romero, na expectativa da beatificação

San Salvador (Agência Fides) – Milhares de salvadorenhos lembram hoje os 34 anos do assassinato do Arcebispo de San Salvador, Dom Oscar Arnulfo Romero, em 24 de março de 1980. As celebrações comemorativas iniciaram no sábado, 22 de março, com uma peregrinação participada. A nota enviada à Agência Fides por uma fonte local relata as palavras do Bispo Auxiliar da Arquidiocese de San Salvador, Dom Gregorio Rosa Chavez, durante a peregrinação: "A nível de Igreja estamos muito perto de sua beatificação, todos os sinais indicam que essa data está se aproximando".
A peregrinação, organizada pela Fundação Romero para recordar o assassinato do Arcebispo, é conhecido como “Peregrinação das luzes”, e se tornou uma tradição. Percorrem-se várias ruas de San Salvador: da Plaza Salvador del Mundo (onde há uma estátua de Dom Romero) até a Catedral Metropolitana, onde está sepultado. Também este ano estavam presentes mais de três mil pessoas, inúmeros jovens pertencentes a organizações católicas, estudantes e grupos sociais, assim como muitos cristãos oriundos da América Central, da América do Sul, dos Estados Unidos, do Canadá e até mesmo de países europeus.
O processo de beatificação de Dom Romero teve início no Vaticano em 1994 e, depois de um período de suspensão, foi retomado em 2013 a pedido do Papa Francisco. Dom Rosa Chavez, durante a peregrinação, disse: "Em 2017, serão celebrados 100 anos do nascimento de Dom Romero, estamos confiantes que antes desta data o teremos nos altares".
Dom Romero é lembrado por ter denunciado as injustiças cometidas pelo conflito armado em El Salvador que durou doze anos (1980-1992), e deixou 75.000 mortos, 8.000 desaparecidos e 12.000 inválidos. (CE) (Agência Fides, 24/03/2014)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network