http://www.fides.org

News

2014-01-13

ÁSIA/INDIA – A Alta Corte: portas abertas na Índia para o pregador evangélico estadunidense

Bangalore (Agência Fides) – O famoso pregador televisivo evangélico estadunidense Benny Hinn poderá pisar em terras indianas e amestrar com sua pregação os fiéis indianos. É o que estabeleceu a Alta Corte do estado de Karnataka, rejeitando o recurso avançado por grupos extremistas que queriam impedir sua entrada na Índia. A Corte, como releva uma mensagem enviada à Fides pela ONG “Global Council of Indian Christians” (GCIC), recordou a obrigação constitucional de respeitar convicções e crenças diversas, convidando a administração de Karnataka a fornecer proteção adequada à assembleia religiosa onde Benny Hinn intervirá, que provavelmente acolherá milhares de pessoas. “A Índia é um país leigo. Existem numerosas línguas, crenças e religiões, assim como grupos sociais e culturais. A tolerância é uma necessidade”, estabeleceu a Corte.
Benny Hinn está sendo aguardado em Bangalore, capital de Karnataka, nos próximos dias. Sua última visita ao estado foi em 2005, quando grupos extremistas de militantes hindus tentaram impedir os encontros, acusando-os de proselitismo. Também nestes dias, grupos de militantes hindus iniciaram a encenar manifestações de protesto contra o pregador televisivo.
“A derrota dos grupos extremistas hindus e de seus aliados políticos, como o Baratiya Janata Party, nas últimas eleições em Karnataka, é sinal de que as chamadas “brigadas açafrão” (a cor de seus uniformes, ndr) estão perdendo popularidade e sua política violenta não paga”, afirma, em nota enviada à Fides, Sajan George, Presidente nacional do GCIC. “Eles esquecem que a Índia é uma democracia muito respeitada no mundo de hoje, com uma própria Constituição que garante liberdade religiosa a todos os seus cidadãos”. (PA) (Agência Fides 13/1/2014)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network