http://www.fides.org

News

2013-11-30

ÁSIA/PAQUISTÃO - Novas ameaças a um advogado cristão que defende vítimas de blasfêmia

Lahore (Agência Fides) – Novas ameaças de morte ao advogado cristão Sardar Mushtaq Gill, ativista de direitos humanos e defensor de diversas vítimas inocentes da lei contra a blasfêmia. O ultimo caso defendido com sucesso foi o do cristão Younis Masih, condenado à morte em 2005 e libertado dois dias atrás, graças à resposta positiva de um recurso feito à Corte de Apelo de Lahore (veja Fides 29/11/2013). Como comunica Gill à Fides, as intimidações contra ele, já ocorridas no passado, são sempre mais graves. Nos últimos dias, alguns desconhecidos, às 6h25, atiraram várias vezes contra a sua casa, em Lahore, e contra as casas vizinhas, causando terror em todo o bairro. O advogado recebeu um SMS no celular que ameaçava de morte ele e sua esposa. Muitos o aconselharam a mudar de casa e se esconder.
O advogado Gill, em nota enviada à Fides, pede a todos os amigos e fiéis cristãos que rezem por ele. As intimidações, explica, visam frear o trabalho da organização “Legal Evangelical Association Development” (LEAD), da qual Gill é presidente, que monitora a situação dos cristãos e ajuda muitas vítimas inocentes em nível legal e material. “Rezem para que Deus nos dê a força, a coragem e a sabedoria para enfrentar esta delicada e perigosa situação”, escreve.
LEAD nasceu no Punjab para garantir assistência jurídica gratuita aos cristãos mais pobres que não podem pagar e muitas vezes inocentes, estão presos por falta de uma adequada tutela jurídica. Dentre os casos defendidos por Gill, vários cristãos acusados injustamente de blasfêmia: no mês de outubro de 2013, Gill pegou três novos caso; em novembro o seu cliente Younis Masih, um caso antigo de 8 anos, foi libertado porque considerado inocente. (PA) (Agenzia Fides 30/11/2013)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network