http://www.fides.org

News

2013-11-15

ÁFRICA/RD CONGO – Ainda instabilidade no Kivu do Norte: novos ataques contra civis por parte de grupos diferentes do M23

Kinshasa (Agência Fides)-A derrota do M23, o principal grupo de guerrilha atuante no Kivu do Norte (no leste da República Democrática do Congo), não deve fazer esquecer que nas províncias congolesas estão ativos pelo menos outros 40 grupos armados (veja Fides 4/11/2013).
Dentre eles está ADF (Allied Democratic Forces ) - NALU, movimento ugandense que se estabeleceu há tempo na área e que recentemente teria se associado a um grupo de Al Shabaab somali, talvez para ameaçar Uganda, que envio militares a Mogadíscio para ajudar as autoridades somalis. Aos elementos do ADF-NALU são atribuídos alguns assaltos contra civis cometidos nos últimos anos em algumas localidades da província. Segundo uma nota enviada à Agência Fides pela Coordenação da Sociedade Civil do Kivu Norte, em 10 de novembro três civis foram mortos em Watalinga por alguns homens do movimento ugandense. Em 12 de novembro na localidade de Matiba no território de Beni, sempre os rebeldes do ADF-NALU atiraram contra dezenas de agricultores que estavam trabalhando nos campos. Uma pessoa foi morta, duas ficaram feridas enquanto não se do destino das outras sete. Outros homicídios na área foram atribuídos à milícia Nyatura, uma das várias milícias de “autodefesa” que atuam nos dois Kivus. A sociedade civil faz um apelo às autoridades congolesas e à comunidade internacional para que depois de derrotar o M23, sua atenção se dirija a outros grupos armados que ameaçam a paz e a estabilidade da área. (L.M.) (Agência Fides 15/11/2013)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network