http://www.fides.org

News

2013-10-14

ÁFRICA/REPÚBLICA CENTRO-AFRICANA – Aumenta a tensão na República Centro-africana. Paris se compromete em enviar novas tropas

Bangui (Agência Fides) - A grave situação da República Centro-africana levou a França a se comprometer em enviar novas tropas ao país, para tentar restabelecer um mínimo de segurança à população local. Durante a sua visita na capital Bangui, o Ministro das Relações Exteriores francês, Laurent Fabius, anunciou o incremento, até o fim do ano, do contingente francês já deslocado na República Centro-africana, que conta cerca de 400 homens. Paris pediu às novas autoridades estabelecidas pelos rebeldes Seleka que convoquem novas eleições no início de 2015.
Não obstante o Presidente Michel Djotodia tenha anunciado o desmembramento da coalizão rebelde Seleka, grupos de milicianos que se dizem pertencentes ao grupo continuam a perpetrar violências no país, agravando as condições de insegurança.
Como informa em seu blog Pe. Aurelio Gazzera, missionário carmelita que trabalha em Bozoum, “a situação é sempre pior: nestes dias ocorreram conflitos na aldeia de Garga, que se encontra a cerca de 150 km de Bozoum. Neste centro, existem minas de ouro e os rebeldes da Seleka estão lá há meses, com ações violentas, furtos e saques. Exaustos por esta longa série de abusos, alguns habitantes reagiram matando alguns muçulmanos e alguns rebeldes. A reação dos rebeldes foi imediata e dezenas de pessoas morreram”.
“Em muitas áreas da República Centro-africana a tensão está aumentando como reação a este ciclo infernal e infinito de violências dos rebeldes; e aumentam também as tensões entre muçulmanos e cristãos”, adverte o missionário. (L.M.) (Agência Fides 14/10/2013)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network