http://www.fides.org

News

2013-09-19

ÁFRICA/UGANDA - O drama das crianças-soldado do Exército de Resistência do Senhor

Campala (Agência Fides) – Conhecido pelos sequestros de crianças que são exploradas como soldados, o Exército de Resistência do Senhor, desde 1986, mantém uma guerra de oposição contra o governo de Uganda. Os rebeldes entram nas casas à noite e sequestram as crianças, presas fáceis porque não são capazes de voltar para casa sozinhos, são disciplinados e respeitam rigorosamente as regras. Muitos desses menores à noite buscam ajuda em refúgios que se encontram nas cidades distantes na República Centro-Africana, e que são os únicos centros de acolhimento capazes de protegê-los. Num documentário intitulado “Good Night, Ouma”, se narra a história dos pequenos andarilhos ugandenses que, com medo de serem sequestrados pelos rebeldes, se refugiam na “Arca de Noé”, um centro especializado para a proteção dos menores sobretudo nas horas mais críticas do dia. Durante todos esses anos de guerra, morreram mais de 150 mil pessoas e quase dois milhões foram obrigadas a viver em campos de refugiados. No mundo, existem entre 250 e 300 mil crianças-soldado que infelizmente não vão à escola, são obrigados a combater e são maltratados. Atualmente, os três países africanos onde se concentra o maior número dessas pequenas vítimas são a República Democrática do Congo, a Somália e o Sudão do Sul. (AP) (19/9/2013 Agência Fides)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network